Alexandre de Moraes tomará posse em 22 de março

Moraes foi indicado ao Supremo pelo presidente Michel Temer e teve o nome aprovado pelo plenário do Senado.

Foto: Reprodução

A posse do ministro Alexandre de Moraes foi marcada para o dia 22 de março. A data foi acertada nesta quarta-feira, após Moraes ir à Corte para conversar com alguns integrantes. No período em que esteve no salão branco do Supremo Tribunal Federal, o novo ministro recebeu as boas vindas dos ministros Edson Fachin, Luiz Fux e Luís Roberto Barroso.

Moraes deverá receber cerca de 7,5 mil processos ao tomar posse na Corte. O novo ministro, que ocupará a cadeira do ministro Teori Zavascki, morto em um acidente de avião no mês passado, vai relatar os processos que faziam parte do gabinete de Teori. Além disso, ele será o revisor das investigações da Operação Lava Jato que forem julgadas pelo plenário.

Moraes foi indicado ao Supremo pelo presidente Michel Temer e teve o nome aprovado na manhã de hoje (22) pelo plenário do Senado. JP on line

Divulgada a programação do carnaval de Anajatuba

A Prefeitura de Anajatuba divulgou as atrações que vão animar a folia do carnaval. Neste ano, a festa começará no sábado (25) e se estenderá até a terça-feira (28). Mais de 10 artistas estarão se revezando no palco que será montado na praça da Vitória, que também receberá blocos tradicionais e escolas de samba da capital, como a Turma de Mangueira.

Estão confirmadas as bandas Chicabanada, Sacode, Canários do Reino, Brasas do Forro, Forro Saborear, Swing Mix, Bonde do Maluco, entre outros. Para os pequenos foliões, o vesperal infantil também foi confirmado.

“Para adequar à nova situação econômica do país, diminuímos um dia de festa, mas conseguimos manter a qualidade das bandas, o que já se tornou marca do carnaval promovido na nossa administração”, afirmou o prefeito Sydnei Pereira. Ele concluiu afirmando que, “apesar das dificuldades, estamos conseguindo manter a alegria do povo da nossa cidade”, concluiu Sydnei.

A cada ano, aumenta a quantidade de foliões que buscam o município de Anajatuba para brincar o carnaval, principalmente por causa da segurança. Em breve, estaremos divulgando o dia de cada uma das atrações. Aguarde!

Por Wallace Braga

Filha de Datena decide acertar com a Playboy para posar nua

Leticia trabalha como modelo e apresentadora

© Reprodução / Instagram

 Nesta quinta-feira (23), Letícia Wiermann, que é filha do apresentador José Luiz Datena, do “Brasil Urgente”, foi anunciada como a mais nova capa da revista masculina Playboy.
 André Sanseverino, que é publisher da revista, fez a revelação nas redes sociais: “Mais um sonho realizado…minha linda amiga @leticiawiermannd na capa da edição de março da @oficialplayboybrasil”, contou.

Leticia trabalha como modelo e apresentadora, com passagens pelo “Domingão do Faustão”, da Globo, e também por programas da Fox Sports.

POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Prefeitura de Caxias divulga programação oficial do Carnaval 2017

Para você se programar para “A folia que a gente quer”, a Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria de Cultura, divulga a programação oficial do Carnaval 2017 na Princesa do Sertão.

São grandes atrações em cinco dias de festa, começando na próxima sexta-feira (24), a partir das 19h, na Avenida Senador Alexandre Costa. Nos demais dias, a folia terá início às 21h. Segue a programação:

24 de fevereiro – sexta-feira

Hannah Vanessa
Chicabanada
Brasas do Forró
Seu Menino

25 de fevereiro – sábado

Papazum
Seu Menino
Chicana
Pepê Júnior

26 de fevereiro – domingo

Rafael Barone
Canários do Reino
Oz Bambaz
Skema 10

27 de fevereiro – segunda-feira

Forró no Grau
Fabrícia e Banda
Pegada dos Plays
Axefona

28 de fevereiro – terça-feira

Pra Mexer
Chicabanada
Jack Brasil
Bonde do Maluco

Fonte: João Lopes/Portal Noca

Carnaval vai alterar a rotina em São Luís; saiba o que abre e fecha

Por causa dos dias de folia momesca, o funcionamento de bancos, repartições públicas e estabelecimentos comerciais sofrerão alteração

Bancos não abrem dias 27 e 28

Bancos não abrem dias 27 e 28 (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS – Por causa dos dias de folia momesca, o funcionamento de bancos, repartições públicas e estabelecimentos comerciais sofrerão alteração. Veja o que abre e fecha durante o período de Carnaval na Ilha:

Bancos

Não abrem dias 27 e 28. Atividades serão retomadas na quarta-feira de Cinzas (1º), a partir do meio-dia. Boletos que vencem na segunda e terça-feira Gorda podem ser pagos no dia seguinte, sem que sejam cobrados juros. Os caixas eletrônicos e internet banking, por sua vez, funcionarão normalmente.

Repartições

A Prefeitura de São Luís baixou portaria que faculta o ponto no Município nos dias 28 e 1º. O expediente só voltará ao normal no dia 2. Já no Governo do Maranhão não haverá expediente nos dias 27, 28 e 1º de março. Os órgãos voltarão a funcionar apenas quinta-feira (2).

Apesar dos decretos é mantido o funcionamento dos mercados, feiras, limpeza pública e de saúde no Pronto Socorro, Hospital Municipal, Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Centros de Saúde 24 horas.

Comércio

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Maranhão (Fecomércio-MA), informou que o comércio na capital maranhense funcionará até às 14h do sábado, retomando as atividades na quarta-feira de Cinzas a partir das 13h. Os estabelecimentos comerciais situadas em shopping center poderão funcionar até às 22 horas do dia 25, reabrindo no dia 1º, depois das 14 horas. Portanto, ficarão fechados domingo, segunda e terça-feira de Carnaval

Supermercados

A Convenção Coletiva que abrange os supermercados estabelece que estes poderão funcionar normalmente durante todos os dias de Carnaval, exceto na quarta-feira de Cinzas em que abrirão somente a partir das 13h.

Shoppings
As lojas fecharão no domingo, segunda e terça-feira, com exceção de algumas lojas de departamentos. Os cinemas e a praça de alimentação vão funcionar normalmente em todos os shoppings. Já os supermercados dos shoppings funcionam no domingo de 10h às 14h e no demais dias das 10h às 22h.

O Estadoma.com

Atenção ao relógio: horário de verão termina à 0h deste domingo

Ministério de Minas e Energia prevê que a medida resulte em economia de R$ 147,5 milhões

© Renato Araújo/ABr

Atenção aos relógios nas últimas horas deste sábado (18). É que o horário de verão, adotado em 16 de outubro, acaba neste domingo (19), a partir da 0h. Os relógios devem ser atrasados em onze estados do país, localizados nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

A partir de meia-noite, muda a hora no Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Conforme expectativa do Ministério de Minas e Energia, a medida, em vigor desde 1931, resulte em uma economia de R$ 147,5 milhões. Com o maior aproveitamento da luz solar no horário de pico (das 18h às 21h), há redução do uso de energia elétrica. Nesta semana, será divulgado o impacto da alteração do relógio.

No horário de verão de 2015/2016, houve, segundo o governo, uma economia de R$ 162 milhões – mais do que o índice previsto para este ano.

 

Dilma diz que pode disputar eleição para senadora ou deputada

Pela primeira vez, petista admite intenção de voltar a ocupar cargo político; para ela, impedimento da candidatura de Lula em 2018 seria um ‘segundo golpe’

Dilma Rousseff parece mais relaxada do que quando estava na Presidência do Brasil. Brinca, repassa a apertada lista de conferências que a aguardam na Europa e nos Estados Unidos e, pela primeira vez, fala de seu futuro político. Destituída em 2016 pelo Congresso, sob a acusação de maquiar as contas públicas, a ex-presidente passa seus dias em Porto Alegre, onde segue obedientemente sua rotina de exercícios físicos e passeios de bicicleta, e só parece perder a paciência quando é consultada sobre o escândalo de corrupção da Petrobras que atingiu seu governo.

“Eu não serei candidata a presidente da República, se é essa a sua pergunta. Agora, atividade política nunca vou deixar de fazer (…) Eu não afasto a possibilidade de me candidatar para esse tipo de cargo: senadora, deputada, esses cargos”, declarou em entrevista à agência AFP.

Apesar do impeachment, Dilma não perdeu seus direitos políticos para ocupar cargos públicos, e pode, portanto, ser candidata a cargos eletivos. Aos 69 anos, ela disputou apenas dois cargos eletivos em sua vida: a Presidência, que venceu em 2010, e a reeleição de 2014, ambas pelo PT.

Questionada sobre como é possível que desconhecesse a monumental rede de subornos que drenou mais de dois bilhões de dólares da Petrobras para financiar campanhas políticas, Dilma abandona o semblante afável que adotou após seu impeachment. “Os processos são extremamente complicados (…) Ninguém no Brasil sabe de todos os processos de corrupção hoje”, afirmou.

Primeira mulher a chegar à chefia de Estado do Brasil, Dilma conserva em sua conta do Twitter a frase “presidenta eleita do Brasil”. Como o país não concede nenhum tipo de pensão aos seus ex-presidentes, Dilma se mantém financeiramente com os 5.300 reais mensais que recebe de aposentadoria por ter sido funcionária do Estado do Rio Grande do Sul e completa sua renda com o aluguel de quatro apartamentos familiares.

Impeachment

Afilhada política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (2002-2010), Dilma diz que não costuma ter problemas ao percorrer as ruas do bairro Tristeza, onde vive em Porto Alegre, nem quando viaja ao Rio de Janeiro para visitar sua mãe. Mas, com as lembranças do impeachment ainda frescas na memória do país, afirma não ter garantias, apesar de contar com um guarda-costas. “Nada impede que alguém me agrida”, declara.

Dilma diz repassar “sistematicamente” os documentos do processo que a retirou do poder e que encerrou um ciclo de mais de 13 anos do PT no governo, substituindo-a por seu vice, o conservador Michel Temer (PMDB), a quem acusou de liderar um “golpe parlamentar”. “As pedras de Brasília e as emas da Alvorada sabiam que eles estavam inventando um motivo para me afastar”, afirma, em uma referência ao tempo em que vivia no Palácio da Alvorada, cercado de jardins intermináveis povoados por pássaros. “Foi a chamada justiça do inimigo: não se julga, se destrói”, acrescenta.

Lula

Uma pesquisa recente colocou Lula à frente em todos os cenários eleitorais para 2018. Processado em vários casos relacionados ao escândalo na Petrobras, seu futuro é uma incógnita. “Apesar de todo o processo de tentativa de destruição da personalidade, da história e tudo, o Lula continua em primeiro lugar, continua sendo espontaneamente o mais votado”, afirma Dilma, para quem há um “segundo golpe” em amadurecimento: criminalizar Lula para impedir que ele seja candidato.

Dilma diz não guardar rancores pessoais contra aqueles que levaram sua destituição adiante, uma atitude que conserva de seus tempos de militância marxista, quando foi capturada e torturada durante a ditadura militar (1964-1985).

E isso inclui o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ), cérebro por trás do impeachment, atualmente na prisão por um caso de corrupção. “Eu não tenho em relação ao Eduardo Cunha nenhum sentimento de vingança ou qualquer coisa que o valha. Eu não tive em relação ao torturador. Não dou luxo para torturador de ter ódio de torturador, nem tampouco para o Eduardo Cunha”, conclui.

(Com AFP)/Veja.com

Chuvas fazem cratera e rodovia pode ter rompimento

 

Trecho da BR-222, entre Arari e Miranda, tem um imenso buraco e a PRF orienta motoristas a não passar pelo local

Imensa cratera se formou às margens da rodovia

Imensa cratera se formou às margens da rodovia (Foto: Divulgação/PRF)

SÃO LUÍS – Motorista que trafegam pela rodovia BR-222 precisam ficar atentos. Depois das fortes chuvas que caíram nos últimos dias, parte do asfalto da pista cedeu e, a qualquer momento, um rompimento total da via pode acontecer. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) está orientando motoristas de caminhões e carretas a não passar pelo local, mas precisam no Km-264, entre Arari e Miranda, no povoado Bubasa.

Desde sexta-feira (17) a Polícia Rodoviária Federal começou a avisar os condutores de veículos pesados, especialmente caminhoneiros e carreteiros, a não trafegarem pelo km 264. As fortes e constantes chuvas que caem naquela região estão danificando a base que dá suporte ao pavimento. As manilhas para escoamento das águas que passam por baixo do asfalto não estão suportando o grande volume de água. Por conta disto o pavimento pode romper a qualquer momento. O trânsito de caminhões e carretas pode acelerar a ruptura.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) está ciente e encaminhou uma empresa para o local a fim de avaliar a situação. De acordo com os engenheiros que estiveram no local, os serviços de recuperação só poderão ser iniciados quando parar de chover. Agentes da PRF passaram o dia no local sinalizando e advertindo os motoristas de veículos de carga a evitarem aquele trecho. O volume de chuvas no Maranhão e Piauí estão bem acima do volume verificado no ano anterior, o que pode acelerar a erosão do asfalto em alguns trechos, além de aumentar a quantidade de buracos na pista em determinadas regiões.

A PRF deu alternativas para quem precisa passar pelo local. Vejas abaixo os possíveis desvios:

1. Os veículos pesados podem utilizar a BR 316 como desvio. Passando por Bacabal. O deslocamento entre São Luís e Santa Inês pela BR, portanto, seria por Miranda do Norte, São Mateus do Maranhão, (povoado) Caxuxa, Bacabal, Pio XII e Santa Inês.

2. Outro caminho possível é pelo Ferry Boat. Desembarcando no Cujupe, passando por São João Batista, Viana, Vitória do Mearim, Santa Inês.

PRF/O ESTADOMA

Aumentam casos de mulheres estupradas na Ilha, diz DEM

Nove casos já foram registrados este ano, envolvendo vítimas de idade acima de 18 anos, com abertura de sete inquéritos; ano passado foram 23, com 16 ações criminais enviadas à Justiça

Este ano, já foi registrado na DEM cerca de 40% do total de ocorrências de todo o ano de 2016.

Este ano, já foi registrado na DEM cerca de 40% do total de ocorrências de todo o ano de 2016. (Foto: Ilustração)

SÃO LUÍS – A violência contra a mulher continua predominante na Região Metropolitana de São Luís. Da­dos da Delegacia de Polícia Civil da Mulher (DEM) revelam que no ano passado foram registrados 23 boletins de ocorrências de estupro, tendo como vítimas mulheres com idade acima de 18 anos. Dessas ocorrências, 16 foram transformados em inquérito policial e encaminhados ao Poder Judiciário. Este ano, já foi registrado na DEM cerca de 40% do total de ocorrências de todo o ano de 2016, ou seja, nove casos com sete inquéritos policiais instaurados.

A delegada titular da DEM, Wan­da Moura, explicou que a vítima desse tipo de crime tem procurado a polícia, apesar de não deixar o estupro de influenciar seu psicológico e a vida íntima. Segundo ela, a delegacia é a porta de entrada para que a vítima possa usufruir os serviços oferecidos pelo Estado, como saúde e assistência psicológica, jurídica, entre outras. “É por meio da delegacia que a vítima vai ser encaminhada ao hospital para tomar medicamentos, fazer exames e até mesmo ser conduzida a uma casa-abrigo, se necessário”, declarou Wanda Moura.

Ela disse, também, que na Ilha continuam sendo pessoas desconhecidas das vítimas acima de 18 anos as principais acusadas desse tipo de crime. No caso de as vítimas serem menores de idade, ou seja, adolescentes ou crianças, na maioria das vezes o acusado é um conhecido, como parente próximo ou vizinho.

No lar

Wanda Moura explicou que na Região Metropolitana de São Luís os matagais localizados nas áreas do Cohafuma, próximo à Cooperativa dos Hortifrutigranjeiros (Ceasa) do Maranhão e da Reserva do Itapiracó são locais propícios para ocorrerem casos de estupro. Nos últimos anos, segundo a delegada, tem aumentado os casos de mulheres violentadas sexualmente dentro da sua própria residência.

No último dia 10, por exemplo, uma capitã do Corpo de Bombeiros, nome não revelado, viveu momento de terror em sua casa, na área do Turu, quando um adolescente, que vai completar 16 anos daqui a dois meses, portando uma arma de fogo, invadiu o imóvel, rendeu todos que estavam no local e, além de roubar vários objetos de valor, principalmente joias e dinheiro, a violentou sexualmente.

O adolescente deixou o local de bicicleta. A polícia foi acionada e ao chegar ao local encontrou a vítima amarrada. Até a manhã de sexta-feira, 17, o suspeito não havia sido localizado, apesar de ter sido identificado.

A delegada Wanda Moura disse que o trabalho investigativo está bem avançado. Ela também informou que esse menor é morador da Vila Luizão e há informações de que já teria cometido outras irregularidades, como furtos, principalmente na área do Turu e bairros adjacentes.

Mais vítimas
No dia 18 de janeiro do ano passado, Rodrigo Renan dos Santos, de 20 anos, e o seu irmão, Robson Santos, idade não revelada, foram presos na região do Itaqui-Bacanga, acusados de estupro e tentativa de homicídio. A polícia informou que os acusados teriam invadido a casa de uma mulher, na Vila Nova, serrando a grade. A vítima era vizinha dos acusados.

Ainda segundo a polícia, eles fo­ram até o quarto, onde encontraram a vítima e o filho dela, e após dominarem o jovem, amarrá-lo e trancá-lo no banheiro, cometeram a agressão sexual contra a mulher.

Após o estupro, os criminosos agrediram a vítima com golpes de chuço (tipo de punhal feito artesanalmente). O filho dela, ao ouvir os gritos de socorro, conseguiu se livrar das amarras e entrou em luta corporal com os acusados. Mãe e filho foram levados para um hospital particular, na capital. l

Saiba mais

Maranhão na 23ª colocação

O Maranhão registra uma taxa de 13,8 casos de estupros por 100 mil habitantes, segundo informações do 10º Anuário Brasileiro da Segurança Pública, divulgado no fim do ano passado, pelo Fórum Brasileiro da Segurança Pública. O estado ficou na 23º colocação no ranking, que tem o Acre na liderança, com uma taxa de 65,2 casos por 100 mil habitantes. O último lugar ficou com o Espírito Santo, com uma taxa de 5,2 casos por 100 mil habitantes.

Números

23

Estupros em 2016 tendo como vítimas mulheres com idade acima de 18 anos

9

Estupros já foram registrados este ano na DEM

16

Inquéritos foram enviados a Justiça em 2016

7

Inquéritos já foram instaurados este ano já geraram

Frase

“É por meio da delegacia que a vítima vai ser encaminhada ao hospital para poder tomar medicamentos, fazer exames e até mesmo ser conduzida a uma casa abrigo, se necessário”.

Wanda Moura, delegada titular da DEM

Fique sabendo

As consequências do estupro

Estupro: um ato de violência, humilhação e controle sobre o corpo da vítima que se expressa pelos meios sexuais.

Sequelas: as vítimas podem ter sequelas na vida e na saúde resultando ainda em sérios efeitos nas esferas física e/ou mental no curto e longo prazo. O estupro pode deixar lesões nos órgãos genitais, contusões e fraturas e até mesmo resultar em morte.

Consequências: as físicas possíveis incluem gravidez indesejada e a contração de doenças sexualmente transmissíveis. Em termos psicológicos o estupro pode resultar em diversos transtornos, tais como depressão, fobias, ansiedade, uso de drogas ilícitas, tentativas de suicídio e síndrome de estresse pós-traumático.

Ismael Araújo/I Mirante

CGU aponta uso indevido de mais de R$ 700 mil com merenda no MA

Sete cidades estão no relatório do Ministério da Transparência e Fiscalização.
Irregularidade mais comum foi ausência de documentos comprobatórios.

 G1 MA

Falta da merenda escolar está prejudicando também os alunos da creche do povoado em Balsas (Foto: Reprodução/TV Mirante)Falta da merenda escolar prejudica alunos em Balsas (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Sete prefeituras do Maranhão cometeram irregularidades no emprego de R$ 711.431,38 no processo de aquisição dos alimentos pelas secretarias municipais de educação. As informações constam no relatório do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU). (VEJA AQUI)

As irregularidades no emprego dos recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) vão desde a ausência de documentos comprobatórios referentes à movimentação de recursos na conta do Pnae até a realização de gastos sem adequada comprovação.

São apontados no levantamento irregularidades nos municípios de Balsas (2012), Araguanã (2012), Coelho Neto (2014), Maranhãozinho (2015), Presidente Médici (2015), Itaipava do Grajaú (2011) e Brejo de Areia (2013).

As falhas encontradas pelo Ministério da Transparência comprometem a finalidade do Pnae, que é contribuir para o crescimento e o desenvolvimento biopsicossocial, a aprendizagem, o rendimento escolar e a formação de hábitos alimentares saudáveis dos alunos.

Recomendações
O Ministério da Transparência efetuou recomendações para que o gestor federal adotasse as medidas necessárias ao saneamento das falhas verificadas, além de recomendações para a devolução dos recursos referentes aos prejuízos potenciais identificados. No entanto, até a presente data o FNDE não adotou todas as providências recomendadas.

Além de publicado na internet, o resultado do trabalho foi encaminhado aos Ministério da Educação e ao FNDE, para a adoção das medidas corretivas. O Ministério da Transparência permanece na busca conjunta por soluções e realiza sistemático acompanhamento da adoção das providências por parte dos gestores responsáveis.